Em março de 2015, o Sincohab ajuizou ação coletiva para requerer a correção de FGTS.

Nesta ação foram ouvidos o Governo Federal e a CEF. Ambos tentaram se eximir da responsabilidade na correção das contas dos trabalhadores vinculadas ao FGTS (ora negando que seriam responsáveis, ora negando que o valor seria devido aos trabalhadores).

A ação do Sincohab está bem proposta  em nome da categoria  e nela  foram rebatidos  todos os argumentos incorretos lançados pelos representantes governamentais . Obteve a vitória de ter reconhecido o benefício da justiça gratuita, no caso de ser a parte vencida  no processo não terá que pagar honorários de sucumbência.

O governo obteve em Brasilia, no Supremo Tribunal de Justiça, a suspenção das ações de correção  do FGTS.

A ação do Sindicato aguarda uma definição de Brasilia, com o "destrancamento" dos recursos  repetitivo desde 20/04/2017. Enquanto isso não ocorrer, temos apenas que aguardar  e, é claro , fazer  pressão política.

A área jurídica do Sindicato acompanha pari-passo a ação para manter a categoria informada, os companheiros também, podem acompanhar no site da Justiça Federal.

http://www.jfsp.jus.br/foruns-federais
processo nº 0004846-49.2015.4.03.6100.




A chapa CATEGORIA UNIDA tomou posse no dia 13/01/2017 às 11 horas na Sede do Sincohab.
Na cerimônia de posse, diretores atuais e de gestões anteriores fizeram uso da palavra, reforçando o papel do sindicato na luta dos direitos da categoria e em prol das cidades inclusivas, acessíveis e democráticas.
O objetivo dessa gestão é a defesa da categoria e do saber técnico acumulado que vem sendo desconsiderado e desprezado na formulação das Políticas Habitacionais e Urbanas no Estado.
Estamos cientes que nessa luta enfrentaremos tanto governantes quanto os interesses privados no poder público.
Basta de desrespeito na execução das nossas atividades profissionais!
Por fim: Basta de arrocho nos nossos benefícios e nas negociações salariais !
A história (não aprendida) se Repete !
Back
Next
           Ação Coletiva Correção do FGTS 20/11/2017(2)
Panorama Político-Sindical
             Histórico SINCOHAB 20/11/2017(3)
Com o fim da ditadura militar e a redemocratização com a promulgação da Constituição de 1988, diversas categorias de trabalhadores se encontravam desorganizadas e também pulverizadas em diversas associações de classes e até mesmo em sindicatos com finalidades difusas e sem atender as necessidades básicas dos trabalhadores.

Esse era a situação dos trabalhadores do setor habitacional, principalmente no setor público no Estado de São Paulo. A categoria estava dispersas em diversas cidades e empresas públicas municipais, como o caso das Cooperativas Habitacionais (Cohabs) nos municípios e também na capital. Enfim, em todo o Estado de São Paulo.


Leia Mais


              COHAB-SP 20/11/2017(7)
  Parceria com o Café dos Bancários !! 20/11/2017(6)
O Sincohab firmou parceria com o Grêmio Café dos Bancários, pertencente ao Sindicatos dos Bancários, situado na Rua São Bento, 413, centro de São Paulo.

Essa parceria oferece desconto de 10% ao associado do SINCOHAB, que será identificado primeiramente por uma listagem de associados oferecida ao Grêmio para seu controle.

Está em estudo e será informado quando concluso, a emissão de um  passaporte para o associado que poderá vir a ser solicitado acessando o site do Sincohab na sessão "Fale Conosco". De posse do passaporte, o usuário poderá copiá-lo para seu celular e apresentá-lo no Grêmio Café dos Bancários para obtenção do desconto em seus serviços.
               ASSINE JÁ ! 20/11/2017(1)
Mesa redonda no SRTE - SP-OBRAS 20/11/2017(4)
No dia 24/11, o Sincohab na assembleia dos funcionários da SPObras, aprovou a nova proposta da empresa com relação às reivindicações sobre o atual Acordo Coletivo de Trabalho dando assim por encerradas as negociações e após, encaminhou o ACT para assinatura das partes.
Diante da demora no processo, o Sincohab, cobrou informação a respeito da assinatura do ACT 2017-2019, e para surpresa recebeu a resposta que a Junta Orçamentária Financeira da Prefeitura - JOF havia barrado alguns termos, previamente, acordados entre funcionários e empresa; dentre eles o Plano de Saúde.


Leia Mais


A lei da Reforma Trabalhista de Michel Temer, que acaba com os direitos trabalhistas, entrará em vigor no dia 11 de novembro de 2017. Para impedir que esta lei nefasta passe a valer, a CUT lançou a Campanha Nacional pela Anulação da Reforma Trabalhista, cujo principal instrumento é um abaixo-assinado em apoio ao Projeto de Lei de Iniciativa Popular (PLIP) que revoga, ou seja, ANULA a lei da reforma aprovada por Temer.

Este site contém todas as informações necessárias sobre o projeto e orientações sobre como qualquer pessoa pode contribuir - assinando, divulgando, criando seu comitê e pressionando os parlamentares. Converse com seus colegas de trabalho, vizinhos, amigos e familiares. Vamos juntos barrar a lei da reforma Trabalhista e impedir que Temer e seus aliados destruam os direitos dos trabalhadores!



Leia Mais


            SP-OBRAS 20/11/2017(5)
20/11/2017
CDHU - Calendário de Compensação 12/12/2017
Na data de 08/12/2017, o RH da CDHU enviou comunicado aos empregados orientando sobre adesão INDIVIDUAL de compensação de jornada de trabalho, comunicando ainda, sobre proibição da utilização das faltas abonadas no período de 21/12/2017 à 05/01/2018.
Diante dos fatos, o Sincohab protocolou Ofício, dia 11/12, solicitando uma reunião com representante da CDHU tendo como pauta:
que anule a adesão individual de compensação de jornada
revogue a instrução que proíbe a utilização da falta abonada no período supracitado.


Leia Mais